G. K. Chesterton

G. K. Chesterton

Voltar para lista de autores

Livros do autor

25-40%

O Napoleão de Notting Hill
O Napoleão de Notting Hill

G. K. Chesterton

R$ 54,90 R$ 33,49

25-40%

Tremendas Trivialidades
Tremendas Trivialidades

G. K. Chesterton

R$ 69,90 R$ 45,44

Até 25%

A Coisa - Por Que Sou Católico?
R$ 54,00 R$ 48,60

25-40%

A superstição do divórcio
A superstição do divórcio

G. K. Chesterton

R$ 42,90 R$ 30,03

25-40%

Chesterton - Autobiografia
Chesterton - Autobiografia

G. K. Chesterton

R$ 89,90 R$ 64,73

25-40%

Considerando Todas as Coisas
Considerando Todas as Coisas

G. K. Chesterton

R$ 64,90 R$ 47,38

25-40%

Hereges
Hereges

G. K. Chesterton

R$ 75,00 R$ 48,00

KITS ESPECIAIS

KIT - G. K. Chesterton (4 Livros)
KIT - G. K. Chesterton (4 Livros)

G. K. Chesterton, Joseph Pearce

R$ 298,70 R$ 224,03

KITS ESPECIAIS

KIT - O Melhor de Chesterton (4 livros)
R$ 254,80 R$ 168,17

25-40%

O Defensor - Tipos Variados
O Defensor - Tipos Variados

G. K. Chesterton

R$ 59,90 R$ 43,13

BiografiaG. K. Chesterton

Gilbert Keith Chesterton foi um jornalista e escritor Inglês, nascido em Londres em 29 de Maio de 1874. Foi educado na escola de St. Paul e em seguida ingressou na Slade School of London para estudar artes. A sua família era Anglicana, mas em 1922 Chesterton se converteu ao Catolicismo por influência do escritor Hilaire Belloc com quem mantinha grande amizade.

Sua obra mais conhecida do público é Ortodoxia na qual faz uma apologia impressionante do Cristianismo contra linhas de pensamento modernistas como o cientificismo, o ateísmo, o reducionismo, o determinismo e o relativismo. A sua retórica chama a atenção pela clareza e precisão nos argumentos, sendo fonte de inspiração para muitos pensadores e autores Cristãos. Outro livro apologético de grande importância é Hereges.

Chesterton também ficou conhecido em sua época pelos debates com George Bernard Shaw, H. G. Wells, Bertrand Russell e Clarence Darrow, nos quais sua lógica de pensamento e bom humor conquistavam o público.

Faleceu em 14 de Junho de 1936, deixando todos os seus bens para a Igreja Católica.